Três grandes discos

Jorrit Dijkstra

Três grandes discos (Destaques)

Destaques / Driff Records

O saxofonista de Amesterdão que tem um vínculo especial com a cena de Boston – aí fundou, com Pandelis Karayorgis, a Driff Records – despediu-se de 2015, o mesmo ano em que andou por Portugal, com três boas edições. Um deles, “Matchbox”, revela mesmo a sua superior capacidade de tocar a tradição do jazz.

Ler mais

Marco Mezquida / Manel Fortià: “My Old Flame” (Ed. de autor) (Curtas)

Curtas

Podemos pegar neste disco de várias maneiras. A mais evidente seria pela homenagem que o pianista Marco Mezquida e o contrabaixista Manel Fortià prestam a Charlie Haden, com o segundo a assinar a peça de abertura, “Haden Song” precisamente, sob o sortilégio de um dos mais líricos dedilhadores que a ...

Ler mais

Marco von Orelli 5: “Alluring Prospect” (Hatology) (Curtas)

Curtas

O trompetista suíço Marco von Orelli tem uma ligação a Portugal, e esta ganhou expressão como projecto Big Bold Back Bone, no qual participam dois músicos nacionais, Luís Lopes e Travassos. Essa conexão é salientada logo na abertura do segundo álbum do músico no catálogo da prestigiada Hatology (colecção integrada ...

Ler mais

Orrù / Mar / Rocha: “Live at MIA 2015” (End Titles) (Curtas)

Curtas

Decididamente, os efeitos produzidos pelo “congresso de improvisadores” que anualmente tem lugar em Atouguia da Baleia, concelho de Peniche (MIA – Encontro de Música Improvisada de Atouguia da Baleia) ultrapassam as efémeras realizações que têm lugar nos três dias em que músicos vindos de várias partes do mundo se reúnem ...

Ler mais

Veryan Weston / Jon Rose / Hannah Marshall: “Tuning Out” (Emanem) (Curtas)

Curtas

Já por duas vezes Veryan Weston experimentou com Jon Rose diferentes tipos de afinação, como ouvimos em “Temperament” e “Tunings & Tunes”. Com Hannah Marshall teve colaborações anteriores em “Haste” (trio com Ingrid Laubrock), “Sols” (quinteto com Laubrock, Tony Buck, Mandy Drummond e Luc Ex) e “Unlocked” (um outro trio, ...

Ler mais

The Invading Past and Other Dissolutions

Filipe Felizardo: “Volume IV: The Invading Past and Other Dissolutions” (Three:Four Records) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Three:Four Records

Antes de mais, as apresentações. O guitarrista Filipe Felizardo - n. 1985, Lisboa - tem trilhado um percurso ímpar, também com vasto trabalho desenvolvido como artista visual. Na música, Felizardo andou pelo rock e pelo noise, explorou a guitarra com (mais e menos) “feedback”, passou por bandas como Häsqvarna, Prisma, ...

Ler mais

Andreas Schaerer meets Arte Quartett & Wolfgang Zwiauer: “Perpetual Delirium” (BMC) (Curtas)

Curtas

O cantor Andreas Schaerer esteve em Lisboa este ano, para um duo com o baterista Lucas Niggli no Jazz im Goethe Garten, e não impressionou. O que fez no jardim do Goethe Institut pecou pelo facilitismo da espectacularidade vocal, destinada a impressionar a assistência pelos menos nobres motivos – insistiu, ...

Ler mais

No Project Trio: “Vol. II” (FMR) (Curtas)

Curtas

Os membros do No Project Trio são três exemplos de músicos indevidamente conotados com o “mainstream” do jazz que em várias ocasiões têm ido para bastante longe dessa caixa de arrumação. Mas… o que é o “mainstream”, afinal? Uma linha de produção que reproduz passivamente os modos de fazer do ...

Ler mais

Marco Scarassatti / Eduardo Chagas / Gloria Damijan / Abdul Moimême: “Rumor” (Creative Sources) (Curtas)

Curtas

O brasileiro Marco Scarassatti e a austríaca Gloria Damijan estiveram em Portugal há um par de anos para participarem no MIA – Encontro de Música Improvisada de Atouguia da Baleia, e aí conheceram, e tocaram com, os portugueses Eduardo Chagas e Abdul Moimême.. Os factores de identificação que encontraram entre ...

Ler mais

Lucía Martínez / Agustí Fernández: “Desalambrado” (Pasoancho Productions) (Curtas)

Curtas

Nascida em Vigo, Galiza, a apenas hora e meia do Porto, e antiga aluna da ESMAE, Lucía Martínez tem fortes vínculos com a cena jazz do Norte de Portugal, apesar de residir em Berlim. O quarteto da jovem baterista e percussionista inclui mesmo músicos portugueses, designadamente João Pedro Brandão e ...

Ler mais

Mette Henriette

Mette Henriette: “Mette Henriette” (ECM) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / ECM

Poucas vezes, em anos recentes, Manfred Eicher apostou tanto num novo nome como no lançamento deste duplo álbum homónimo – o primeiro de Mette Henriette, saxofonista (tenor) norueguesa de ascendência lapónia. A maneira de estar na música e as ideias desta jovem instrumentista e compositora são únicas, e o patrão ...

Ler mais

Mécanosphère: “Scorpio” (Raging Planet) (Curtas)

Curtas

Há 10 anos que os Mécanosphère não lançavam um disco, mas esse desaparecimento dos escaparates é finalmente contrariado pelo novo “Scorpio”, álbum que, como todos os anteriores, desafia catalogações e desarruma territórios estabelecidos, mas surge mais sedimentado e definido nos seus propósitos. Agora sem as intervenções de dois dos mais ...

Ler mais

Myrrah’s Red Book Act I / Act II

Ben Stapp & The Zozimos: “Myrrah’s Red Book Act I & Act II” (Evolver Records) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Evolver Records

Deixou boas memórias em Lisboa. O tubista Ben Stapp viveu em Portugal durante alguns anos e marcou o seu nome na evolução da cena nacional. Em destaque esteve a sua colaboração com outro imigrante musical que por cá tivemos, o brasileiro Alípio C. Neto, hoje uma das figuras de topo ...

Ler mais

Spinifex Maximus

Spinifex Maximus: “Spinifex Maximus” (TryTone) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / TryTone

Logo após a publicação de “Veiled”, o quinteto Spinifex decidiu assinalar o décimo aniversário da sua existência com um disco especial e uma digressão para o materializar em palco – transformou-se de Spinifex em Spinifex Maximus, juntando ao núcleo permanente constituído por Tobias Klein, Jasper Stadhouders, Gonçalo Almeida e Philipp ...

Ler mais

Meia Catorze

Basso3: “Meia Catorze” (Pássaro Vago) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Pássaro Vago

Três contrabaixos. Poucas vezes se tem ouvido uma formação com estas características, e mesmo na área da improvisação o mais normal é juntar apenas dois exemplares do mais grave instrumento da família do violino para a criação de um diálogo intimista. Logo nesse aspecto qualquer amante da música fica, à ...

Ler mais

Os Pássaros Estão Estragados

José Valente: “Os Pássaros Estão Estragados” (JACC Records) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / JACC Records

Certa vez, perguntaram a Karlheinz Stockhausen o que tinha ele aprendido com o tempo de estudo passado com o compositor Olivier Messiaen. Com a sua proverbial arrogância, o autor de “Kontakte” respondeu. «Aprendi a não me aproximar mais do canto dos pássaros.» Apesar da referência alada, o espaço musical ocupado ...

Ler mais

Slow is Possible

Slow is Possible: “Slow is Possible” (JACC Records) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / JACC Records

Não podiam ser mais intrigantes, estes Slow is Possible. As melodias que tocam são cândidas, juvenis e até doces. Têm alguma coisa da pop, e designadamente do imediatismo, da jovialidade e da simplicidade que caracterizam o género. Soam com uma naturalidade estranha, entram no ouvido e ficam a ressoar na ...

Ler mais

Alberto Vilas Quinteto: “Crónica Cromática” (edição de autor) (Curtas)

Curtas

Vive bem perto de nós, na Galiza, e “Crónica Cromática” foi mesmo gravado em Portugal (Vila Nova de Gaia), mas o pianista e compositor Alberto Vilas continua a ser-nos um desconhecido. Merecia mais, pois é um – e não são muitos – dos músicos que em Espanha vão contrariando a ...

Ler mais

Over the Hills

imuZZic Grand(s)ensemble: “Over the Hills” (IMR) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / IMR

Pelos lados do jazz francês, e de há uns anos a esta parte, está a tornar-se habitual a repescagem de obras do passado em várias áreas da música para delas se criarem novas versões. Por exemplo, Médéric Collignon fê-lo com o espólio setentista do grupo de rock progressivo King Crimson, ...

Ler mais

Lulu Auf Dem Berg

Variable Geometry Orchestra: “Lulu Auf Dem Berg” (Creative Sources) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Creative Sources

Uma das mais importantes notícias da improvisação nacional no ano ainda em curso foi o regresso da Variable Geometry Orchestra de Ernesto Rodrigues, e logo para um concerto (a 3 de Maio) num local único, o Panteão Nacional, com a sua característica ressonância. Este disco documenta essa actuação de um ...

Ler mais