The Lives of Many Others

Kaja Draksler: “The Lives of Many Others” (Clean Feed) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Clean Feed

O nome de Kaja Draksler poderá ainda soar estranho para a maior parte dos apreciadores portugueses de jazz, mas a pianista já conseguiu estabelecer alguns laços com o nosso país. Gravou para a Clean Feed, actuou na Culturgest (no ciclo "Isto é jazz?"), em Lisboa, e trabalha em duo com a ...

Ler mais

Três motivos para voltar à ...

Discos de vinil

Três motivos para voltar à agulha (Destaques)

Destaques / Signs of the Silhouette

Cada vez mais edições exclusivamente em formato LP vão vendo a luz do dia, e em Portugal como lá fora: foi o que fizeram Signs of the Silhouette, SSS-Q e Eitr, três projectos nacionais de muita qualidade que quiseram aproveitar o som quente e vivo da tecnologia analógica.

Ler mais

Floodstage

John Hébert Trio: “Floodstage” (Clean Feed) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Clean Feed

John Hébert é um dos contrabaixistas mais apreciados da actualidade, tocando regularmente em muitos projectos liderados por alguns dos músicos mais excitantes da sua geração, como Peter Evans, Mary Halvorson, Taylor Ho Bynum e Ingrid Laubrock. Alia o respeito pelos gigantes do passado ao conhecimento dos novos caminhos do jazz, ...

Ler mais

Ponto de Partida

André Santos: “Ponto de Partida” (TOAP / OJM) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / TOAP / OJM

Na última década e meia o país jazzístico tem sido incomparavelmente mais fértil a gerar guitarristas do que qualquer outro tipo de instrumentistas. Apenas considerando os domínios do jazz, temos virtualmente guitarristas a cobrir todos os seus recantos estéticos. Em particular, a lista de músicos que prosseguem vias mais ligadas ...

Ler mais

Memória de Amiba

André Carvalho: “Memória de Amiba” (TOAP / OJM) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / TOAP / OJM

Em meados de 2011 surgiram na imprensa norte-americana inquietantes notícias dando conta de casos de infeção por uma amiba rara que tem o nariz como porta de entrada no organismo humano e que devora as mucosas nasais, prosseguindo os estragos em direção ao cérebro. As vítimas – geralmente residentes junto ...

Ler mais

Every Thing Thing

Jamie Drouin / Olaf Hochherz: “Every Thing Thing” (Infrequency Editions) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Infrequency Editions

Por vezes esquecemo-nos que as palavras que utilizamos para falar de um disco acabam por ser redundantes ou insuficientes, quando não desadequadas. “Every Thing Thing” de Jamie Drouin e Olaf Hochherz relembra-nos isso a cada momento da sua escuta. Esta tem de ser atenta e paciente se não queremos perder ...

Ler mais

Remoto

Klaus Filip / Dafne Vicente-Sandoval: “Remoto” (Potlatch) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Potlatch

“Remoto” é o mais recente álbum da editora francesa Potlatch e junta dois improvisadores com “backgrounds” bem diferentes. Klaus Filip vem desenvolvendo diversas colaborações na área electroacústica da improvisação reducionista e Dafne Vicente-Sandoval é uma fagotista com actividade na área da música contemporânea. Neste sua segunda incursão discográfica pela música ...

Ler mais

Signs

Erika Dagnino Quartet: “Signs” (SLAM) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / SLAM

A palavra – não necessariamente cantada – está presente na história do jazz desde os seus alvores. Ou, porventura mesmo, até antes de se poder falar em jazz, quando os contadores de histórias afro-americanos combinavam a palavra dita com ritmos diversos e variações de entoação vocal imitando sons de animais ...

Ler mais

September

The Claudia Quintet: “September” (Cuneiform Records) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Cuneiform

Desde o homónimo disco de estreia do Claudia Quintet que sabemos que o dia da semana favorito do seu líder – o baterista/percussionista e compositor John Hollenbeck – é a quinta feira. Pelo tributo que lhe presta no título do novo disco ficamos agora a saber que o mês da ...

Ler mais

Lucky Prime

Pascal Niggenkemper Vision7: “Lucky Prime” (Clean Feed) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Clean Feed

Pascal Niggenkemper reúne neste primeiro álbum em septeto o experiente Frank Gratkowski, o cada vez mais presente Christian Lillinger e um conjunto de jovens improvisadores, ainda ilustres desconhecidos do público em geral: Emilie Lesbros, Eve Risser, Fratz Loriot e Els Vandeweyer. Provenientes de França, Alemanha e Bélgica, estes músicos sob ...

Ler mais

Cloudseed

Splatter & Rafal Mazur: “Cloudseed” (Citystream) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Citystream

Sementes de nuvens serão apenas pretextos algo improváveis para discorrer sobre uma matéria tão frágil e ao mesmo tempo tão aprazível como o novíssimo disco dos Splatter, um quarteto londrino encabeçado pelos sopradores Noel Taylor e Anna Kaluza. Neste trabalho, intitulado “Cloudseed”, a secção rítmica original da banda foi trocada ...

Ler mais

Passing Through the Wall

Zevious: “Passing Through the Wall” (Cuneiform) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Cuneiform

Por muito que isso tire o sono aos puristas mais empedernidos, o facto é que desde meados do sexto decénio do século passado (ou até antes, se pensarmos, por exemplo, na “third stream”) que está em curso um processo de esbatimento de fronteiras entre o jazz e outros géneros musicais, ...

Ler mais

Música gestual

Ernesto Rodrigues

Música gestual (Destaques)

Destaques / Creative Sources

O gesto tem cada vez maior importância na música do violetista português, e é por essa via que a sua improvisação reducionista está mais próxima dos conceitos aplicados na chamada noise music. Pois oiçamos os seus nove discos mais recentes…

Ler mais

Branco

Miguel Ângelo: “Branco” (Carimbo Porta-Jazz) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Porta-Jazz

Nos anos mais recentes tem-se acentuado a evidente tendência – que, contudo, vem muito de trás –, de a cidade do Porto ser pródiga em fornecer ao jazz nacional músicos e discos de valor. Uma parte substancial desse trabalho tem vindo a ser desenvolvido pela Orquestra Jazz de Matosinhos e ...

Ler mais

Whatever it is You're Seeking, Won't Come in the Form You're Expecting

João Hasselberg: “Whatever it is You're Seeking, Won't Come in the Form You're Expecting” (Sintoma Records) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Sintoma Records

“Whatever it is You're Seeking, Won't Come in the Form You're Expecting” é o disco de estreia na condição de líder de João Hasselberg, músico que se tem dividido por diversos projetos, em múltiplos contextos estéticos, o que lhe confere maturidade e experiência assinaláveis.

Se já lhe conhecíamos atributos enquanto ...

Ler mais

Traces of Cities

Manuel Linhares: “Traces of Cities” (edição de autor) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Edição de autor

Se em termos femininos até estamos relativamente bem servidos – em quantidade e qualidade –, os dedos de uma só mão chegam e sobram para representar os homens que em Portugal cantam jazz. Um dos representantes do género masculino neste ofício cantante é Manuel Linhares, nascido na ilha açoriana do ...

Ler mais

Keith Jarrett: “No End” (ECM) (Curtas)

Curtas

Se de um título de Keith Jarrett o menos que podíamos esperar era encontrar o aviso “play it loud”, eis que ele nos troca as voltas. O seu novo lançamento na ECM, marcado para o final deste mês de Novembro, precisa mesmo de ser ouvido com o volume para cima ...

Ler mais

Human Encore

Trespass Trio & Joe McPhee: “Human Encore” (Clean Feed) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Clean Feed

Em meados do ano passado, por altura do Jazz ao Centro, o nórdico Trespass Trio teve o privilégio de colaborar, durante três noites seguidas, com o histórico multi-instrumentista americano Joe McPhee. O Salão Brazil foi o palco desses encontros musicais e durante essas sessões ouviu-se uma procura, mas uma procura ...

Ler mais

Monster’s Lullaby

Trisonte: “Monster’s Lullaby” (Sintoma Records) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Sintoma Records

O próprio nome deste trio prefigura o que se vai ouvir: música pesada. Uma música que parte do jazz e a ele regressa, mas que pelo caminho absorve os contributos do rock e, até, da chamada “club music” – o que se verifica, uma vez ou outra, pela incorporação de ...

Ler mais

Elogio da Desordem

Joana Sá: “Elogio da Desordem” (Shhpuma) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Shhpuma

A música de Joana Sá tem sido classificada de imprevisível. Nesta sua nova edição – a segunda na Shhpuma, uma subsidiária da editora de jazz Clean Feed – Joana mantém essa imprevisibilidade. No centro de tudo está o piano, sim. Mas não é um piano qualquer. É um piano oriundo ...

Ler mais