Vera Morais & Hristo Goleminov: “Consider the Plums” (Carimbo Porta-Jazz)

Vera Morais & Hristo Goleminov: “Consider the Plums” (Carimbo Porta-Jazz)

Carimbo Porta-Jazz

Nuno Catarino

Dois jovens músicos em estreia discográfica, em desafio à poesia de William Carlos Williams. Um duo de voz e saxofone, uma exploração poética-musical. Que bela surpresa.

No universo musical, a música e a palavra estão ligadas desde sempre, mas nem sempre o valor da música corresponde ao valor da palavra. Há situações em que ambas estão superiormente niveladas (Leonard Cohen, Bob Dylan, Tom Waits, Joni Mitchell), mas há sobretudo muitos casos em que músicas brilhantes que conquistam o mundo são acompanhadas por letras pouco elaboradas – sem preconceito, isto aplica-se a qualquer estilo, da folk ao rap, da pop ao jazz. E, noutras situações, poéticas sublimes não foram devidamente acompanhadas por criações musicais equiparadas. Ou seja, nem sempre há correspondência, e não há mal nenhum nisso, por vezes basta o elemento musical para a coisa funcionar e seduzir os ouvidos do público.

A poesia de William Carlos Williams (1883–1963) não foi apenas criativa e pioneira, foi sendo cristalizada, progressivamente reconhecida, e continua belíssima e intemporal nestas primeiras décadas do século XXI. Também o filme “Paterson” (2016), de Jim Jarmusch, terá servido para dar a conhecer a sua poesia a novos leitores e gerações mais jovens. Numa proposta muito focada e original, uma das mais recentes edições do Carimbo Porta-Jazz é o desafio assumido por Vera Morais e Hristo Goleminov para musicar a poesia de Williams, num raro duo de voz e saxofone (tenor).

Vera Morais é uma magnífica descoberta. Ainda bem jovem, a sua voz revela uma enorme amplitude, capaz de surpreender o ouvinte. Com uma grande assertividade, vai desde momentos de beleza idílica até sons guturais assustadores. Hristo Goleminov (vimo-lo no Festival Porta-Jazz 2021, com uma proposta musical bem interessante) revela aqui a sua capacidade instrumental, adaptando-se às formas de cada poema, criando cenários e ambientes para as palavras, acompanhando a voz. O duo mostra-se uma perfeita comunicação, nos uníssonos e nas dissonâncias, e sobretudo em tudo aquilo que fica a meio caminho.

Desta vez, a base poética é magnífica. A música, apesar de se servir de recursos muito limitados (apenas voz e sax), consegue superar a expectativa. O trabalho do duo resulta como uma bela interpretação da poesia de Williams, com uma grande tensão e interpretação teatral. Este novo volume do Carimbo Porta-Jazz é uma magnífica surpresa. Não é música easy-listening, precisa da atenção e dedicação do ouvinte, mas aí desvenda a sua absoluta riqueza. E releva dois novos talentos nortenhos, Vera Morais e Hristo Goleminov, que irão certamente dar que falar na cena jazz (e musical) nacional dos próximos anos.
 

  • Consider the Plums

    Consider the Plums (Carimbo Porta-Jazz)

    Vera Morais & Hristo Goleminov

    Vera Morais (voz); Hristo Goleminov (saxofone tenor)

Agenda

01 Fevereiro

Com Calma Jazz Jam

Com Calma - Espaço Cultural - Lisboa

02 Fevereiro

João Lencastre, Pedro Branco e João Hasselberg

Miradouro de Baixo - Carpintarias de São Lázaro - Lisboa

02 Fevereiro

Mockūnas-Mikalkenas-Berre

Água Ardente - Lisboa

02 Fevereiro

Ensemble Porta-Jazz / Robalo

Porta-Jazz - Porto

02 Fevereiro

José Menezes Quarteto

Cine Incrível - Alma Danada - Almada

03 Fevereiro

Pedro Neves Trio “Hindrances” / Wabjie

Festival Porta-Jazz - Rivoli - Porto

03 Fevereiro

Percussion

Água Ardente - Lisboa

03 Fevereiro

Gianni Narduzzi “Dharma Bums” / Carlos Azevedo Quarteto “Serpente”

Festival Porta-Jazz - Rivoli - Porto

03 Fevereiro

Mockūnas-Mikalkenas-Berre

Salão Brazil - Coimbra

04 Fevereiro

Coletivo Osso/Porta-Jazz “Interferências” / Umbral

Festival Porta-Jazz - Rivoli - Porto

Ver mais