Punkt.Vrt.Plastik: “Zurich Concert” (Intakt)

Punkt.Vrt.Plastik: “Zurich Concert” (Intakt)

Intakt

Gonçalo Falcão

Apesar do nome industrial, este grupo é só um trio: o velho trio de piano, contrabaixo e bateria (reinventado). No piano está Kaja Draksler, a pianista Eslovena revelada em 2013 com o excelente “The Lives of Many Others”. Na bateria está o hiperativo Christian Lillinger e no contrabaixo Petter Eldh, menos conhecido, mas a peça perfeita para integrar o som muito particular deste trio.

O grupo utiliza diferentes tipos de estratégias inovadoras, mas a mais interessante é o uso das repetições de forma criativa. Como se encalhassem em ciclos curtos - como um disco de 45rpm riscado – repetem obsessivamente a mesma frase desconexa, e em cada repetição dão-nos alguma coisa diferente, tornando-a lógica.

Draksler tem uma forma solta, criando uma ilusão interessante de casualidade. Como se as notas não fizessem sentido na sequência... mas fazem. Lillinger é rapidíssimo e parece bater em todos os tambores e pratos ao mesmo tempo, imprimindo intensidade à música. A rapidez inumana monta uma espécie de bateria techno, mas humana e por isso em constante movimentação, raramente repetindo a mesma coisa. Eldh, pelo contrário, toca numa banda diferente, num som quase matemático, com as notas impassíveis, assegurando um tão necessário baixo numa música que sem ele ficaria demasiado solta.

O “Zurich Concert” é o terceiro disco deste grupo e uma afirmação ao vivo de uma proposta musical que reinventa um formato clássico. É também uma releitura ao vivo da música complexa feita em estúdio (a maioria dos temas tocados são do disco anterior “Somit” escritos por Draksler ou Lillinger) e a prova que quando abrimos a música à improvisação e deixamos o momento entrar, coisas maravilhosas podem acontecer.

 

 

  • Zurich Concert

    Zurich Concert (Intakt)

    Punkt.Vrt.Plastik

    Kaja Draksler (piano); Petter Eldh (contrabaixo); Christian Lillinger (bateria e percussão)

Agenda

01 Fevereiro

Com Calma Jazz Jam

Com Calma - Espaço Cultural - Lisboa

02 Fevereiro

João Lencastre, Pedro Branco e João Hasselberg

Miradouro de Baixo - Carpintarias de São Lázaro - Lisboa

02 Fevereiro

Mockūnas-Mikalkenas-Berre

Água Ardente - Lisboa

02 Fevereiro

Ensemble Porta-Jazz / Robalo

Porta-Jazz - Porto

02 Fevereiro

José Menezes Quarteto

Cine Incrível - Alma Danada - Almada

03 Fevereiro

Pedro Neves Trio “Hindrances” / Wabjie

Festival Porta-Jazz - Rivoli - Porto

03 Fevereiro

Percussion

Água Ardente - Lisboa

03 Fevereiro

Gianni Narduzzi “Dharma Bums” / Carlos Azevedo Quarteto “Serpente”

Festival Porta-Jazz - Rivoli - Porto

03 Fevereiro

Mockūnas-Mikalkenas-Berre

Salão Brazil - Coimbra

04 Fevereiro

Coletivo Osso/Porta-Jazz “Interferências” / Umbral

Festival Porta-Jazz - Rivoli - Porto

Ver mais