, 30 de Junho de 2020

Festival Robalo Jazz vai ser (sobretudo) na Antena 2

Será algo incaracterística a edição deste ano do Festival Robalo Jazz, e isto porque a maior parte dos concertos desta iniciativa da editora discográfica Robalo terá transmissão pela rádio (Antena 2) a partir de um Liceu Camões vazio no coração de Lisboa. A 13 de Julho tocam o duo de Sara Serpa e André Matos e os Empa de Manuel Rodrigues. A 14, vez para os Lost in Translation e a dupla Desidério Lázaro / Luís Candeias. O dia 15 de Julho servirá para João Pedro Brandão e Demian Cabaud apresentarem os seus respectivos “Pausa” e “Aparicion”. Samuel Blaser e Marc Ducret (foto acima de P.W. Henry) estão agendados para 16, com mais um músico estrangeiro a comparecer no dia, como convidado dos Golpe!, Masa Kamaguchi. Os projectos Garfo e Chão Maior actuam a 17.

Apenas as actuações no Porto e em Coimbra terão assistência, com as medidas de distanciamento em vigor. Na Sala Porta-Jazz estarão, a 15 de Julho, Kiri e o dueto de Blaser e Ducret e no Salão Brazil teremos, a 16, Leonor Arnaut e João Carreiro e, a 17, os Golpe! novamente com Kamaguchi. Também as “masterclasses” previstas serão presenciais, com duas na Sala Porta-Jazz a 15 (Marc Ducret e Samuel Blaser) e outras duas nas novas instalações da Associação Robalo na lisboeta Rua Damasceno Monteiro, uma a 16 (Blaser / Ducret) e a outra a 18 (Masa Kamaguchi).