, 21 de Fevereiro de 2018

Ciclo Novos improvisadores arranca em Lisboa

É no próximo dia 16 de Março, no O’culto da Ajuda, em Lisboa, pelas 21h00, que se inicia um programa de João Esteves da Silva, pianista e colaborador da jazz.pt, destinado a dar projecção às «aventuras sónicas de novos valores dedicados às mais variadas práticas da improvisação, sem fronteiras estilísticas definidas». Nesta primeira edição do Ciclo de Novos Improvisadores são três os concertos agendados, dois deles com formações sugeridas pelo próprio curador. A abertura faz-se com a actuação de um duo formado por João Carreiro (guitarra eléctrica) e Guilherme Aguiar (piano), continuando com a parceria da cantora Mariana Dionísio com Miguel Sobral Curado em bateria e Philippe Trovão e Lucas Xerxes nas electrónicas. O cabeça-de-cartaz fecha a noite: Pedro Melo Alves (na foto), recente vencedor do Prémio de Composição Bernardo Sassetti e músico do ano de 2017 segundo esta revista, irá estrear o projecto Symph, versão electroacústica do clássico trio de piano jazz, com Hugo Antunes e José Diogo Martins em piano e sintetizador a juntarem-se à bateria e aos dispositivos electrónicos do líder.